Feminismo não é só para mulher


Parede branca com tinta colorida jogada e a palavra together por cima.
Juntos somos mais fortes

Tenho visto um esforço enorme de alguns amigos para se inserirem de forma mais ativa no movimento feminista. São caras que estão lendo bastante e ouvindo mulheres, mas na hora do debate rola aquele "cala a boca" sutil porque é um homem.


Acredito que o discurso precisa ser mais estruturado para alcançarmos outro patamar e avançando e agregando esses homens que tem consciência de que são machistas e que sofrem com o machismo.


Eu entendo que nós mulheres fomos muito caladas por séculos, só ouvindo os homens e recebendo suas ordens e hoje o que queremos é falar e sermos ouvidas. Mas será que não estamos caindo no mesmo erro cometido no passado por homens?


Se a proposta da Chimamanda é que sejamos todos feministas, porque sempre usamos o discurso do "senta e ouve"? Ressalto aqui que foi trocando ideia com um amigo que comecei a prestar mais atenção a isso. Ele me disse que queria ser mais participativo, contudo foram poucos os grupos onde ele foi bem recebido, na grande maioria falavam para ele só escutar.





Sou grata a ele porque termos um diálogo aberto, franco e acima de tudo com muito respeito.


Por mais acolhimento e empatia com esses homens que querem participar de forma mais efetiva e afetiva ao nosso lado em busca da igualdade.


Se você é um desses homens deixe um comentário aqui embaixo e vamos ampliar nossa rede de suporte!


#ihaprendi #feminismo #sejamostodosfeministas #igualdade

51 visualizações4 comentários

Posts recentes

Ver tudo

Ser negro